News
Você está aqui: Capa » NOTÍCIAS » Evangélicos protestam contra outra exposição de arte pornográfica: “respeitem as crianças”

Evangélicos protestam contra outra exposição de arte pornográfica: “respeitem as crianças”

Pastor liderou protesto em frente ao Palácio das Artes, em Belo Horizonte

Um grupo de cerca de 30 evangélicos realizou um protesto esta semana contra a exposição de Pedro Moraleida, no Palácio das Artes, em Belo Horizonte. As obras do artista estão expostas desde 1º de setembro. Reúne esculturas, textos, radiografias, vinhetas musicais, desenhos e pinturas.

A mostra foi alvo de críticas e também pedidos de suspensão do deputado estadual João Leite (PSDB) e do vereador Jair de Gregório (PP), que são evangélicos.

O protesto em frente ao Palácio das Artes foi liderado pelo pastor Leonardo Alvim de Melo, 38 anos. O líder religioso visitou a exposição e disse ter ficado chocado com o conteúdo, que apesenta cenas representando pedofilia, zoofilia, além de vilipêndio de símbolos cristãos.

“Esse movimento é contrário a essa arte chamada de moderna porque o que está lá dentro pode se dizer que é arte, porque tem pintura, mas o que está exposta lá é pedofilia, zoofilia e cristofobia”, reclama o pastor. Seu grupo cantou o Hino Nacional e gritava palavras de ordem contra a exposição. Os participantes carregavam cartazes onde pediam respeito às crianças.

A assessoria de comunicação do Palácio das Artes lamentou o ocorrido. Argumenta que o local sempre recebeu todos os tipos de manifestação cultural, sem nenhum tipo de restrição e preconceito. Por causa do protesto, a entrada para a galeria onde as telas estão expostas foi fechada, temendo depredação das obras.

A Polícia Militar acabou sendo chamada após um princípio de tumulto, pois havia um grupo de estudantes que estava no local para apoiar a permanência da exposição. O grupo de religiosos fechou a avenida Afonso Pena por cerca de uma hora.

Protesto Palácio das Artes
Evangélicos protestam contra exposição de Pedro Moraleida, em Belo Horizonte (Foto: Michele Marie/ G1 )

Outro protesto

Na seda da Funarte de Belo Horizonte, ocorreu outro protesto. A peça “Evangelho segundo Jesus, rainha do céu”, com a atriz travesti Renata Carvalho, foi alvo de um grupo de evangélicos.

Policiais militares foram chamados, mas nenhuma confusão foi registrada. A assessoria do espetáculo, todos os ingressos foram vendidos. Com informações G1

Compartilhe
Share on FacebookShare on Google+Print this pageEmail this to someoneTweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*